self efficacy thesis thesis capitalized a game of thrones essay uttara kannada case study pdf digital transformation mba thesis essay for grade 1 students essay on my city varanasi

ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > Anvisa aprova, com restrições, importação excepcional de doses da Covaxin e Sputnik V

5 de junho de 2021

Anvisa aprova, com restrições, importação excepcional de doses da Covaxin e Sputnik V

Agência Brasil / Marcelo Camargo

BRASÍLIA – A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou, com restrições, o pedido de importação excepcional das vacinas contra a Covid-19 Sputnik V e Covaxin. A decisão não representa autorização de uso emergencial pela Anvisa porque vale apenas para lotes específicos dos imunizantes.

No caso da Covaxin, vacina de origem indiana, foi autorizada a importação e aplicação de 4 milhões de doses. Os imunizantes deverão ser aplicados sob condições estritas, que incluem análise laboratorial pelo Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde (INCQS), da Fundação Getulio Vargas (FGV).

Já em relação à Sputnik V, a quantidade de doses será restrita a um por cento da população de cada um dos seis estados que pediram: Bahia, Maranhão, Sergipe, Ceará, Pernambuco e Piauí. O estado da Bahia foi autorizado a importar 300 mil doses; o Maranhão, 141 mil doses; Sergipe, 46 mil doses; o Ceará, 183 mil doses; Pernambuco, 192 mil doses, e o Piauí, 66 mil doses. A agência decidiu agora emitir a autorização após ter feito novas inspeções em fábricas na Rússia e ter recebido novos documentos por parte dos estados requerentes.

As informações são da Agência Brasil.