ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Musicalidades > Katy Perry relembra depressão e fala sobre gravidez na pandemia

5 de agosto de 2020

Katy Perry relembra depressão e fala sobre gravidez na pandemia

Katy Perry é a capa da mais nova edição da revista “People”. Em entrevista, a cantora abriu o jogo sobre a sua saúde mental que foi bem afetada esse ano. Ela, que espera o seu primeiro bebê, fruto do relacionamento com Orlando Bloom, teve que passar pela gravidez no meio de uma pandemia. Além disso, a estrela adiou o seu casamento e o lançamento de seu mais novo álbum, que agora será divulgado no dia 28 de agosto:

Todos os dias suas opções mudam e você não sabe o que é o que. Especialmente estar grávida em uma pandemia, é uma montanha-russa emocional. Ter um ótimo parceiro (Bloom), ter uma mente sã, continuar fazer o seu trabalho….

Katy ainda diz que sobreviveu aos anos mais sombrios de sua vida e que agora consegue lidar com qualquer dificuldade. E esse período, aliás, ela descreve como um pesadelo:

Fiquei muito deprimida clinicamente. Meu psicólogo na época recomendou um remédio. Às vezes, as pessoas precisam de uma muleta farmacêutica. Eu tive que fazer essa escolha depois de chegar ao fundo do poço. Não tive escolha senão seguir essa jornada emocional, espiritual e psicológica, ou provavelmente não viveria para ver 2018.

Ela ainda fez um tratamento em uma organização não-governamental dedicada à educação transformadora de adultos, crescimento espiritual e dimensões pessoais de liderança. Sobre o que aprendeu, a jurada de American Idol diz:

Todos temos conversas negativas acontecendo na sua cabeça que podem tomar as rédeas. Você tem que tomar as rédeas de volta e eu definitivamente fiz isso.

Ela ainda continua, falando que a devastação que sentiu finalmente a fez enxergar as prioridades:

Isso me tirou desse ciclo desesperado de ser a melhor estrela pop de todos os tempos. Eu realmente quero ser um ser humano e ter a dimensão da vida. Agora, eu vivo a vida e trago vida ao mundo. Encontrar gratidão nesta dor tem sido uma jornada real, mas o resultado vale a pena, concluiu.