ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Musicalidades > Hackers vazam documentos de Lady Gaga e ameaçam outros artistas

18 de maio de 2020

Hackers vazam documentos de Lady Gaga e ameaçam outros artistas

Um grupo de hackers vazou alguns documentos pessoais da cantora Lady Gaga e agora ameaça liberar outros dados de celebridades que compõe a empresa de advocacia Grubman Shire Meiselas & Sacks.

Intitulados como “REvil“, o grupo inicialmente pediu 21 milhões de dólares para não expor mais documentos das estrelas. Entretanto, segundo o site americano Daily Mail, os hackers subiram a pedida para 42 milhões de dólares (cerca de 243 milhões de reais), depois de provarem que realmente estão com alguns contratos e outros documentos de Gaga.

Ao todo, foram 756 gigabytes de dados roubados, que incluem acordos de sigilo, endereços de e-mail, números de celulares e correspondências privadas de antigas e atuais celebridades representadas pela firma como Madonna, Bono Vox, Bruce Springsteen, Mariah Carey, Christina Aguilera, entre outros.

Sodinokibi Operators Hacked Law Firm That Serves Madonna

Segundo um artigo publicado pelo Page Six, o novo alvo do grupo é o presidente americano Donald Trump. Eles alegam ter documentos comprometedores relacionados ao representante norte-americano que podem prejudicar sua campanha para próxima eleição.

Ainda de acordo com a publicação, a firma não pretende negociar com o grupo. “Contratamos especialistas do mundo todo nessa área e estamos trabalhando ininterruptamente para resolver esses problemas”, disse a Grubman Shire Meiselas & Sack em um comunicado.

#jbfmcontraocoronavirus #fiqueemcasa