ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Musicalidades > Frejat explica motivo de incluir “Ideologia” em seu repertório após 30 anos

22 de maio de 2018

Frejat explica motivo de incluir “Ideologia” em seu repertório após 30 anos

Em entrevista à revista Rolling Stone Brasil, o cantor Frejat explicou o motivo de só ter incluído a música "Ideologia" – composta por ele, mas que se tornou sucesso na voz de Cazuza – após 30 anos do lançamento da faixa.

U2 toca versão acústica de "Vertigo" em talkshow americano
Elis Regina: clipe de "Como Nossos Pais" ganha versão remasterizada
Christina Aguilera faz primeira performance de "Fall In Line", confira

“Nunca tinha tocado ao vivo, nunca tinha colocado no meu repertório até essa turnê. Na verdade, eu encanava com uma frase da letra – 'meus heróis morreram de overdose’ –, mas consegui resolver agora. Não tenho heróis, então como eu vou cantar que ‘meus heróis morreram de overdose’?”, explicou o cantor na entrevista que aconteceu após um show da atual turnê, "Tudo se Transforma". 

Agora, a canção será cantada como "Seus heróis morreram de overdose/ Meus inimigos estão no poder", com "heróis" fazendo referência ao "garoto que queria mudar o mundo". Frejat explicou: "Eu não tenho heróis, não tenho relação de idolatria com ninguém. Mesmo as pessoas que eu mais admiro – seja na área humana, na história da civilização, ou na música, os guitarristas que adoro –, não tenho relação de idolatria com nenhum deles. O Cazuza, sim, ele tinha essa relação de idolatria, então ele se sentia muito à vontade de cantar".

Frejat deixou o Barão Vermelho em 2016, e desde então segue fazendo turnês como artista solo.