ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Musicalidades > Florian Schneider, fundador do Kraftwerk, morre aos 73 anos

6 de maio de 2020

Florian Schneider, fundador do Kraftwerk, morre aos 73 anos

Florian Schneider, co-fundador da banda eletrônica alemã Kraftwerk, morreu de câncer, nesta quarta-feira (6), aos 73 anos.

“O co-fundador e pioneiro eletroeletrônico do Kraftwerk, Ralf Hütter, nos enviou a triste notícia de que seu amigo e companheiro, durante muitas décadas, Florian Schneider morreu de uma curta doença de câncer apenas alguns dias após seu aniversário de 73 anos”, disse a banda em um comunicado.

Schneider e Hütter foram reconhecidos como uma das figuras mais influentes da música eletrônica do século XX. A dupla começou a trabalhar junto em 1968 e lançou o Kraftwerk dois anos depois, como um projeto envolvendo uma série de outros músicos.

A influência de Schneider para a música é tanta que David Bowie intitulou a instrumental “V-2 Schneider”, do álbum “Heroes” (1977), em homenagem ao músico.

“Estudei música seriamente até um certo nível, depois achei tudo chato; procurei outras coisas, achei que a flauta era muito limitadora … Logo comprei um microfone e depois alto-falantes. Depois um eco, depois um sintetizador. Muito depois, joguei a flauta fora; era uma espécie de processo.”

O músico deixou o grupo em 2008, mas antes disso ele participou dos álbuns mais importantes desse seminal projeto, como Autobahn (1974), que chegou a ocupar o quinto lugar nas paradas da Billboard mesmo com seu som vanguardista e inovador, Trans-Europe Express (1977) e The Man-Machine (1978).

#jbfmcontraocoronavirus