Pezão afirma que privatização da Cedae é irrevogável

Imagem: Site da Cedae

O governador Luiz Fernando Pezão considera que a venda da Cedae é uma obrigação irretratável e irrevogável. A avaliação foi enviada em carta aos deputados estaduais, que votarão o decreto que autoriza a privatização da estatal. A venda da companhia foi um compromisso assumido pelo governo do estado junto a União para refinanciar a dívida do Rio de Janeiro e obter garantias para superar a crise financeira.