ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > Rio retoma transporte intermunicipal gradualmente a partir deste sábado (6)

5 de junho de 2020

Rio retoma transporte intermunicipal gradualmente a partir deste sábado (6)

RIO – Controle de acesso de passageiros a todas as estações também será suspenso, mas ocupação dos trens, metrô e barcas ainda terá restrições.

Foto: Rio Ônibus

RIO – O governo do Rio decretou o retorno gradual do transporte intermunicipal de passageiros a partir deste sábado (6). Será retomada a operação das linhas rodoviárias e de vans intermunicipais, com exceção dos municípios de Barra Mansa, Pinheiral e Volta Redonda. Nessas cidades, permanece restrita a circulação de ônibus intermunicipais, ônibus fretados e vans nas conexões com outros municípios. O transporte coletivo entre as três cidades está mantido.

Deverão operar com ocupação limitada ao número de assentos as linhas entre os municípios da Região Metropolitana; entre os municípios do interior do estado; e as de transporte complementar em qualquer região. Os passageiros não poderão viajar de pé.

Já as linhas que fazem a ligação entre a Região Metropolitana e o interior deverão operar com até 50% dos assentos ocupados dos ônibus tipo rodoviário, e apenas com passageiros sentados no caso dos ônibus urbanos. A fiscalização será feita pelo Detro com auxílio das forças policiais.

O governo do estado do Rio também decidiu que, a partir deste sábado (6), fica suspenso o controle de acesso de passageiros em todas as estações.

No metrô e nos trens, a disponibilidade de lugares ficará restrita a, no máximo, 50% da capacidade de lotação. Na Supervia, permanecerá suspensa a operação do ramal Guapimirim. 

No caso das barcas, as viagens terão o número de passageiros compatível com o de assentos. As estações Charitas e Cocotá permanecerão temporariamente fechadas.

A operação da linha Arariboia terá intervalos de, no mínimo, 30 minutos no horário de pico, das 5h30  às 9h, e das 16h às 18h nos dias úteis. Fora do horário de pico, e também nos fins de semana e feriados os intervalos serão de uma hora.

A linha de Paquetá continuará operando com intervalos de até 3 horas em qualquer dia e período.

Nos transportes coletivo e individual, permanece obrigatório o uso de máscara de proteção respiratória.