ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > Diretor-geral do Degase é exonerado no Rio

2 de julho de 2021

Diretor-geral do Degase é exonerado no Rio

RIO – Decisão foi tomada pelo governador do Rio após denúncia de abuso sexual envolvendo agentes de um centro de socioeducação na Ilha do Governador.

Divulgação Governo do Rio / Eliane Carvalho

RIO – O governador do Rio, Cláudio Castro, exonerou o diretor-geral do Departamento de Ações Socioeducativas (Degase), Márcio de Almeida Rocha, e três auxiliares. A medida foi tomada após a decisão da justiça de afastar cinco agentes e o diretor do Centro de Socioeducação professor Antônio Carlos Gomes da Costa, na Ilha do Governador, por suspeita de abuso sexual contra adolescentes internas.

A unidade é o único local em todo o estado do Rio destinado ao cumprimento de medidas socioeducativas de menores de idade do sexo feminino e atualmente tem 19 internas. Elas denunciaram assédios e abusos sexuais praticados por agentes. Pelo menos duas das meninas teriam ficado grávidas, e uma sofreu um aborto espontâneo.

Entre os exonerados está o diretor do Centro de Socioeducação que fica na Ilha do Governador, Leonardo Lúcio de Souza.