ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > Cade investiga possíveis preços abusivos no rastro do coronavírus

19 de março de 2020

Cade investiga possíveis preços abusivos no rastro do coronavírus

BRASÍLIA – Serão investigados hospitais, laboratórios, farmácias, fabricantes e distribuidores.

Marcello Casal Jr/AG. BRASIL

BRASÍLIA – O Conselho Administrativo de Defesa Econômica abriu investigação para avaliar se empresas do setor farmacêutico estão aumentando preços e obtendo lucros de forma abusiva no contexto de disseminação do novo coronavírus.

Produtos como máscaras cirúrgicas ou álcool gel têm sido muito utilizados por cidadãos, empresas e órgãos públicos como medidas de prevenção e proteção, o que vem aumentando a demanda por esses bens. Serão investigados hospitais, laboratórios, farmácias, fabricantes e distribuidores.

As empresas deverão apresentar, em até 10 dias, notas fiscais dos produtos. Caso sejam constatadas violações, as companhias poderão ser punidas por infração à ordem econômica com sanções que podem incluir até multa de 20% do faturamento bruto, além de outras medidas como impedimento de fechar negócios com o poder público.