ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > Bolsonaro abre mão de depor sobre interferência na PF

26 de novembro de 2020

Bolsonaro abre mão de depor sobre interferência na PF

Marcelo Camargo/Agência Brasil

BRASÍLIA – A defesa do presidente Jair Bolsonaro informou ao Supremo Tribunal Federal que ele abre mão de prestar depoimento no inquérito sobre a suposta tentativa de interferir na Polícia Federal.

Na petição, a Advocacia-Geral da União pede que a Polícia Federal conclua a investigação sem ouvir Bolsonaro e nega as acusações de que o presidente tentou interferir indevidamente na nomeação de cargos da corporação para proteger amigos e familiares.

Ainda estava pendente de julgamento, no STF, a definição sobre se o presidente deveria prestar depoimento de forma presencial ou por escrito. Como o prazo do inquérito estava se esgotando e seria necessário prorrogá-lo mais uma vez, a Advocacia-Geral da União protocolou a manifestação.