‘Viúva da Mega-Sena’ é solta na véspera de Natal

RIO – Foi solta nesta véspera de Natal a “viúva da Mega-Sena”, como ficou conhecida Adriana Ferreira de Almeida, que estava presa no Complexo Presidiário de Bangu. Adriana tinha um alvará de soltura expedido desde último dia 19. No dia 16 ela havia sido condenada, em júri popular, a 20 anos de prisão como mandante do assassinato do ex-marido Renné Senna, ganhador da loteria. O crime foi cometido em 2007. Adriana foi solta mesmo sem receber uma tornozeleira eletrônica, que era um dos impedimentos à saída do presídio após a expedição do alvará. Ela vai ficar em prisão domiciliar no condomínio onde mora, em Cachoeiras de Macacu. O Ministério Público analisa a possibilidade de recorrer da decisão judicial que converteu em domiciliar a prisão de Adriana.

RÁDIO JBFM 99.9 - Rio de Janeiro
1