2º turno tem 22 presos por crime eleitoral. Rio lidera a lista, com 13

PA Rio de Janeiro/RJ 05/10/2014 Eleicoes 2014. Eleitores formam fila para votar na zona eleitoral no Ciep Ayrton Senna na Rocinha. Cabo eleitoral faz propaganda de boca de urna na entrada da Rocinha. Foto Ivo Gonzalez / Agencia O Globo

PA Rio de Janeiro/RJ 05/10/2014 Eleicoes 2014. Eleitores formam fila para votar na zona eleitoral no Ciep Ayrton Senna na Rocinha. Cabo eleitoral faz propaganda de boca de urna na entrada da Rocinha. Foto Ivo Gonzalez / Agencia O Globo

RIO – Vinte e duas pessoas foram presas por crime eleitoral em todo o país neste segundo turno das eleições municipais até às 14h deste domingo. O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) divulgou números atualizados. Desse total, 17 prisões foram por boca de urna, e o estado do Rio lidera a lista, com 13 registros. Além das 22 detenções, o TSE informou que foram feitas 175 advertências e que até às 14h somente dois candidatos foram advertidos. Eles faziam boca de urna no Ceará. As 13 prisões no estado do Rio também foram por boca de urna. Ainda segundo o Tribunal Superior Eleitoral, já foram substituídas 519 urnas, o que representa 0,563% das mais de 90 mil máquinas. O Rio é o estado com mais trocas: 167 no total. Em todo o Brasil, 32,9 milhões de eleitores estão aptos a votar neste 2º turno, que acontece em 57 cidades, sendo 18 capitais. No estado do Rio são oito cidades: Rio (capital), Niterói, São Gonçalo, Petrópolis, Volta Redonda, Duque de Caxias, Belford Roxo e Nova Iguaçu.

0

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

RÁDIO JBFM 99.9 - Rio de Janeiro
1