Senado rejeita pedido de urgência para votar pacote anticorrupção

senado_urgencia

BRASÍLIA – Em votação nominal, o Senado rejeitou o requerimento que pretendia incluir na pauta para ser votado ainda na noite desta quarta-feira o pacote anticorrupção aprovado pela Câmara dos Deputados. O pedido de urgência foi derrotado por 44 votos a 14 e uma abstenção. A votação nominal inibiu senadores que fizeram acordo nos bastidores para aprovar a urgência. O texto aprovado na Câmara de madrugada foi muito alterado. Os parlamentares incluíram, na proposta, a previsão de punição para juízes e promotores por abuso de poder. Os procuradores da Força-Tarefa da Lava Jato reagiram ameaçando abandonar os trabalhos na operação se o projeto for sancionado pelo presidente Michel Temer.

0

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.