Queima de fogos no réveillon de Copacabana vai ser mais curta por conta da crise

Foto: Agência Brasil / Cristina Índio do Brasil

Foto: Agência Brasil / Cristina Índio do Brasil

RIO – O tempo de queima de fogos da festa de réveillon em Copacabana diminuirá de 16 para 12 minutos. O anúncio foi feito pelo secretário de Turismo do Rio, Antônio Pedro Figueira de Mello, em entrevista ao “Bom Dia Rio”, da TV Globo. A medida foi tomada por causa da crise econômica. O réveillon de Copacabana, de acordo com Antônio Pedro, era pago integralmente por patrocinadores, mas, este ano, por conta da crise, a prefeitura teve que arcar com uma parte. O investimento da cidade para o réveillon será de R$ 5 milhões.

RÁDIO JBFM 99.9 - Rio de Janeiro
1