Presos PMs que foram flagrados atirando em dois homens já caídos no chão na Zona Norte do Rio

logo-jbfm-rio-de-janeiro

RIO – Os dois policiais militares que aparecem em um vídeo executando dois homens caídos no chão em Acari, na Zona Norte do Rio, foram presos em flagrante na madrugada desta sexta-feira (31). Os agentes foram autuados por homicídio qualificado. O caso aconteceu em frente à Escola Municipal Jornalista Daniel Piza, a mesma onde a adolescente Maria Eduarda Alves da Conceição, de 13 anos, morreu após ser baleada na tarde de ontem (30). Os irmãos da jovem estiveram no Instituto Médico-Legal hoje (31) pela manhã para reconhecer e liberar o corpo da menina para o enterro. A família de Maria Eduarda diz que a morte da estudante pode ter sido uma execução pois, segundo o irmão que fez o reconhecimento, o corpo tinha quatro marcas de perfurações. Segundo relatos, a adolescente estaria fazendo aula de Educação Física quando foi baleada durante um suposto tiroteio entre policiais e traficantes na comunidade Fazenda Botafogo. Depois da morte da menina, houve um protesto com ataques a motoristas na Avenida Brasil, que ficou fechada nos dois sentidos. A Polícia Militar interveio e usou bombas de efeito moral para dispersar os manifestantes.