Policiais civis do Rio decidem continuar em greve

Print

RIO – Em greve desde 20 de janeiro, os policiais civis do Rio decidiram manter o movimento após assembleia realizada na noite desta segunda-feira (27). A categoria reivindica o 13º salário e o pagamento de horas extras atrasadas, desde setembro do ano passado, e de gratificações por metas alcançadas, desde o segundo semestre de 2015. A decisão de continuar a paralisação foi anunciada após reunião realizada entre sindicalistas e o governador Luiz Fernando Pezão, no Palácio Guanabara. O presidente do Sindicato dos Policiais Civis do Rio de Janeiro, Márcio Garcia, informou que vai se reunir com o governador daqui a 15 dias e uma nova assembleia será realizada no dia 24 de abril.