Polícia entra em Alcaçuz para tentar retomar controle do presídio onde 26 presos morreram em uma rebelião

Foto: Agência Brasil

Foto: Agência Brasil

NATAL – Homens do grupo de operações especiais do governo do Rio Grande do Norte e agentes penitenciários da Força-Tarefa federal entraram, na manhã de hoje, na Penitenciária Estadual de Alcaçuz. A operação tem como objetivo reestabelecer a ordem no presídio, palco de uma rebelião motivada pela briga entre facções criminosas que deixou 26 mortos no dia 14 deste mês. A operação tem o objetivo de retomar o controle dos pavilhões 4 e 5 do presídio que estão ocupados por presos integrantes de uma facção criminosa.
A operação marca o início dos trabalhos da Força Tarefa federal de agentes penitenciários no estado. A Força foi criada pelo Ministério da Justiça em meio à série de rebeliões e mortes ocorridas em prisões brasileiras. Essa operação desta sexta-feira foi batizada de Phoenix, numa alusão a um pássaro da mitologia grega que, quando morria, entrava em auto-combustão e, passado algum tempo, renascia das próprias cinzas.