Polícia do Rio investiga uma série de furtos no Maracanã

Foto: Repórter aéreo Carlos Eduardo Cardoso

Foto: Repórter aéreo Carlos Eduardo Cardoso

RIO – Um homem foi preso por tentar levar cabos e fios elétricos do Maracanã. O suspeito seria um morador de rua. Outros furtos já aconteceram no estádio nos últimos dias. A polícia abriu uma investigação para apurar as circunstâncias dos furtos dos bustos de cobre do jornalista Mário Filho, que dá nome ao Maracanã, e do ex-prefeito do Rio Ângelo Mendes de Morais, além de duas televisões e uma peça de cobre da mangueira de incêndio. Diligências estão sendo feitas para esclarecer os furtos e identificar os autores. A Federação de Futebol do Rio de Janeiro fará uma reunião hoje para tratar do caso. O Maracanã foi reformado e modernizado para a Copa do Mundo de 2014 e para os Jogos Olímpicos de 2016. Reaberto em 2013, após quase três anos fechado, o estádio recebeu o investimento de R$ 1,3 do governo do Rio.

RÁDIO JBFM 99.9 - Rio de Janeiro
1