Operadores financeiros do PMDB investigados na Lava Jato são presos nos EUA

Imagem: Ag Br

Imagem: Ag Br

BRASÍLIA – Foram presos em Miami, nos Estados Unidos, Jorge Luz e o filho dele, Bruno Luz, investigados na 38ª fase da Operação Lava Jato. Os dois são apontados pela Polícia Federal e pelo Ministério Público como operadores financeiros ligados ao PMDB dentro do esquema de corrupção e desvio de dinheiro da Petrobras. O delegado federal Maurício Moscardi informou que a prisão foi possível graças à cooperação da polícia de imigração americana. A defesa de Jorge e Bruno Luz informou à Justiça brasileira que os dois devem chegar ao Brasil às 8h deste sábado (25), no Aeroporto Juscelino Kubitschek, em Brasília.

RÁDIO JBFM 99.9 - Rio de Janeiro
1