Ministro do STJ nega pedido de Lula para suspender ação penal da Lava Jato conduzida por Sérgio Moro

BRASÍLIA – O ministro Felix Fisher, do Superior Tribunal de Justiça, rejeitou pedido do ex-presidente Lula para suspender uma ação penal da Lava Jato conduzida pelo juiz Sérgio Moro, da Justiça Federal no Paraná. A defesa de lula alegava parcialidade do magistrado para atuar no caso, relativo à compra e reforma de um apartamento triplex no Guarujá, em São Paulo. A decisão do ministro é em carater liminar, ou seja, provisória. O caso ainda será submetido à Quinta Turma do STJ para julgamento do mérito, com o pedido para afastar Sérgio Moro do processo