Ministro do STF suspende operação da PF que prendeu policiais do senado

Foto: Agência Brasil

Foto: Agência Brasil

BRASÍLIA – O ministro Teori Zavascki, do Supremo Tribunal Federal (STF), suspendeu, por meio de uma liminar, a operação Métis, que apura suposta tentativa de policiais legislativo do Senado de obstruir investigações da Lava Jato sobre parlamentares. Teori Zavascki também mandou transferir todo o processo relativo à operação para o STF. O ministro tomou a decisão depois de analisar pedido de Antônio Tavares dos Santos Neto, um dos policiais presos na última sexta-feira, mas liberado no mesmo dia após prestar depoimento. Apesar de solto, ele está afastado das atividades, por determinação do juiz Vallisney Oliveira da 1ª instância da justiça federal em Brasília. Na ação, a defesa do policial argumentou que o juiz invadiu competência do Supremo, ao autorizar busca e apreensão no Senado. Teori também determinou a soltura de pessoas eventualmente mantidas presas, mas todos os quatro presos na operação já foram soltos.

0

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

RÁDIO JBFM 99.9 - Rio de Janeiro
1