Lobistas ligados ao PMDB, Jorge e Bruno Luz desembarcam no Brasil

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

BRASÍLIA – Os lobistas ligados ao PMDB Jorge Luz e o filho, Bruno Luz, chegaram ao Brasil, no aeroporto de Brasília, na manhã deste sábado (25), e foram levados para a Superintendência da Polícia Federal no Distrito Federal. Os dois são apontados pela Polícia Federal e pelo Ministério Público como operadores financeiros ligados ao PMDB dentro do esquema de corrupção e desvio de dinheiro da Petrobras. Com prisão decretada pelo juiz Sérgio Moro, Jorge e Bruno Luz ficarão em Brasília até quinta-feira (2), quando serão transferidos para Curitiba. Ambos estavam em Miami, onde foram presos pela polícia de imigração dos Estados Unidos. Alvos da Operação Blackout, os lobistas entraram na lista de procurados pela Interpol, depois que o mandado de prisão foi expedido no Brasil na 38ª fase da Operação Lava-Jato, deflagrada na última quinta-feira (23).