Justiça bloqueia bens de Eduardo Paes por obra para as Olimpíadas

Foto: Agência Brasil

Foto: Agência Brasil

RIO – A Justiça do Rio decretou o bloqueio dos bens do prefeito Eduardo Paes por improbidade administrativa na construção do Campo de Golfe Olímpico da Barra da Tijuca. Conforme a decisão, a Prefeitura teria deixado de cobrar uma dívida de licença ambiental de R$ 1,8 milhão. A Justiça determinou que Eduardo Paes e a construtora Fiori Empreendimentos tenham seus ativos leiloados para pagar a dívida. O valor de bens bloqueados do prefeito é de R$ 181 mil. Em nota, a Prefeitura afirmou que vai recorrer e acrescentou que a construção do campo de golfe representou um ganho ambiental para a região.

RÁDIO JBFM 99.9 - Rio de Janeiro
1