Janot pede ao STF impedimento de Gilmar Mendes em processo contra Eike Batista

Foto: Ministro do STF Gilmar Mendes. Agência Brasil / Antonio Cruz

Foto: Ministro do STF Gilmar Mendes. Agência Brasil / Antonio Cruz

BRASÍLIA – O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, enviou pedido ao Supremo Tribunal Federal (STF) para que o ministro Gilmar Mendes seja declarado impedido de atuar no processo relativo ao empresário Eike Batista. A arguição de impedimento foi encaminhada à presidente da Corte, ministra Cármen Lúcia, e será julgada pelo plenário. Janot também quer que as decisões de Gilmar Mendes relacionadas ao empresário sejam anuladas, como a concessão de prisão domiciliar. O argumento do procurador-geral da República é o de que a mulher de Gilmar Mendes, Guiomar, integra o escritório de advocacia de Sérgio Bermudes, representante de Eike Batista em vários processos. Segundo Janot, o ministro Gilmar Mendes não poderia atuar como relator do habeas corpus concedido ao empresário.