Inscrição na OAB da ex-primeira-dama do Rio Adriana Ancelmo é suspensa por 90 dias

Foto: Agência Brasil

Foto: Agência Brasil

RIO – A ex-primeira dama do Rio Adriana Ancelmo teve a inscrição na Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) suspensa por 90 dias. Com a decisão, do Tribunal de Ética e Disciplina da OAB-Rio, a mulher do ex-governador Sérgio Cabral perde provisoriamente o vínculo profissional por três meses. Adriana e marido estão presos e são réus acusados de integrar um grupo criminoso chefiado por Cabral. Segundo denúncia do Ministério Público Federal, a quadrilha desviou mais de R$ 220 milhões de obras públicas na época em que Sérgio Cabral era governador do Rio.

RÁDIO JBFM 99.9 - Rio de Janeiro
1