Homem apontado como chefe do tráfico de Manguinhos morre após ser baleado

RIO – O homem apontado como chefe do tráfico de drogas em Manguinhos, na Zona Norte do Rio, morreu após ser baleado, ontem à noite, na comunidade. Conhecido como “Mongol”, Thomas Bruno Dantas foi atingido durante um confronto entre criminosos e policiais. Ele chegou a ser socorrido e levado para o Hospital Salgado Filho, no Méier, mas não resistiu aos ferimentos. Por conta do tiroteio na região, a Rua Leopoldo Bulhões chegou a ser interditada e só foi liberada no início da madrugada.

RÁDIO JBFM 99.9 - Rio de Janeiro
1