Ciclovia Tim Maia, no Rio, tem trecho interditado pela justiça por tempo indeterminado

Foto: Ciclovia Tim Maia, na Avenida Niemeyer, desabou após uma forte ressaca no mar de São Conrado. Agência Brasil / Fernando Frazão

Foto: Ciclovia Tim Maia, na Avenida Niemeyer, desabou após uma forte ressaca no mar de São Conrado. Agência Brasil / Fernando Frazão

RIO – O trecho da Ciclovia Tim Maia entre o Vidigal e São Conrado, onde ocorreu um desabamento no dia 21 de abril do ano passado que matou duas pessoas, permanecerá interditado por tempo indeterminado. A decisão é do juiz Marcello Alvarenga, da 9ª Vara de Fazenda Pública, após analisar o laudo entregue pelo Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (Crea) do Rio de Janeiro. Na sentença, o juiz determina que a prefeitura faça os reparos necessários e adote as providências recomendadas pelo Crea. O magistrado também condiciona a reabertura da ciclovia ao encaminhamento à justiça de documentos que atestem e comprovem o cumprimento das medidas necessárias ao resguardo da obra e da segurança dos usuários. O Crea diz que a estrutura não tem condições adequadas de segurança e que a ciclovia só deveria ser reaberta depois de intervenções para corrigir falhas na construção e desgastes como corrosões e fissuras.