Bala perdida mata aluna de 13 anos dentro de escola na Pavuna

Foto: Agência Brasil

Foto: Agência Brasil

RIO – Foi identificada como Maria Eduarda Alves da Conceição a estudante de 13 anos que morreu atingida por uma bala perdida dentro da Escola Municipal Jornalista Daniel Piza, na Pavuna, na tarde desta quinta-feira (30). Segundo relatos, a adolescente estaria fazendo aula de Educação Física quando foi atingida pelo disparo, supostamente vindo de um tiroteio entre policiais e traficantes em Fazenda Botafogo. Depois da morte da menina, houve um protesto com ataques a motoristas na Avenida Brasil, que ficou fechada nos dois sentidos. A Polícia Militar interveio e usou bombas de efeito moral para dispersar os manifestantes. Na mesma área onde Maria Eduarda foi morta dois policiais militares do Batalhão de Irajá foram flagrados em um vídeo atirando em dois homens já caídos. A Corregedoria da Polícia Militar informou que vai investigar a ação dos policiais. Antes disso, a Polícia Militar havia relatado o caso de uma suposta troca de tiros que teria terminado com três mortes: a da estudante e a de dois suspeitos.